Facebook Twitter Google Plus
Segunda-Feira 17 de Dezembro de 2018
Madeira Lamelada
Woodlam
Newsletter

Subscreva a newsletter e receba por email todas as novidades.

Woodlam - Madeira Lamelada

Vantagens Estruturas Lameladas

Harmonia de formas e beleza natural do material – As possibilidades de concepção, a harmonia das formas e a agradável sensação de conforto que nos trás, a madeira revela-se de um equilíbrio incomparável com outros materiais. Assim, a madeira adapta-se aos tempos modernos guardando o classicismo próprio do material.

Adaptabilidade, possibilitando as mais variadas formas – As estruturas de madeira lamelada podem transformar-se em nas mais variadas formas arquitectónicas. Graças à sua capacidade de adaptação, podem ser adaptados em vários sectores.

Excepcional estabilidade e comportamento ao fogo – Contrariamente ao senso comum, uma estrutura de madeira correctamente dimensionada apresenta uma segurança em caso de incêndio incomparavelmente superior à mesma estrutura executada em betão ou aço, uma vez que a madeira, embora combustível, tem uma velocidade de combustão perfeitamente determinada e lenta, e não sofre perdas sensíveis das suas características mecânicas sob a acção da temperatura. Inversamente, quer o betão, quer o aço, sob a acção de elevadas temperaturas sofrem enormes dilatações que originam rapidamente a ruína da estrutura. Ensaios realizados demonstram que a progressão da combustão é de 0,6 a 0,7 mm por minuto na secção da peça, o que nos poderá dar uma ideia desta boa característica.

Material inalterável quando sujeito a ambientes corrosivos e húmidos – A madeira não tem problemas de corrosão por agentes químicos, tais como ambientes saturados, alcalinos ou ácidos.

Leveza – As madeiras utilizadas na construção da madeira lamelada têm uma densidade de 450 Kg/m3.Isto traz vantagens em termos de transporte, manuseamento, montagem e ligeireza da estrutura de suporte.

Melhoramento das características próprias da madeira – Ao colarem-se duas peças de madeira, obtém-se uma nova peça de características mecânicas superiores à que se obteria com uma única peça.

Rapidez de montagem – A madeira é um material ligeiro, o que facilita todos os movimentos de transporte e montagem. Uma estrutura de madeira lamelada sai do processo de fabrico como um produto realmente pronto.

Fiabilidade com o decorrer do tempo – Actualmente não se pode avaliar uma obra apenas pelo aspecto que apresenta após a sua finalização. Cada vez mais se dá ao comportamento das obras com o decorrer do tempo.

Características anti-magnéticas e comportamento dieléctrico – A neutralidade da madeira ao magnetismo é especialmente apreciado em construções específicas tais como: centrais nucleares, fábricas de explosivos, laboratórios, plataformas de heliportos, emissoras de rádio; não existe risco de electrocussão se utilizarem estruturas de madeira lamelada.

Excelente isolamento térmico, anulando as "pontes térmicas" Suspensão de juntas dilatação em coberturas – A madeira lamelada é um material estável dado que a colagem das lamelas de madeira anula as tensões a que a madeira fica sujeita quando sob a acção dos esforços. Esta particularidade torna-a praticamente insensível às variações dimensionais e permite a suspensão das juntas em coberturas.

A madeira não se dilata, uma elevada temperatura reduz o nível de humidade, produzindo contracções ligeiras no sentido radial e tangencial. No sentido longitudinal (comprimento das vigas), as variações são desprezáveis.

É um produto ecológico uma vez que a madeira utilizada é proveniente de viveiros próprios localizados nos países de origem da madeira.